Categorias
Solidariedade

FLM: organização popular e solidariedade em São Paulo

A Frente de Luta por Moradia (FLM), filiada à Central de Movimentos Populares, deu início nessa semana na capital de São Paulo à organização de 33 comitês em apoio aos desempregados (as) vítimas da Covid- 19 e da crise econômica neoliberal em curso no país.

Para Osmar Borges, da coordenação da FLM, as ações têm pautado e denunciado a fome causada pelo desemprego, consequência da pandemia do novo coronavírus.

A iniciativa da FLM está associada às ações da CMP que, em conjunto com outras entidades, está promovendo a campanha “Movimentos Contra Covid-19”, em apoio aos grupos mais vulneráveis. Em todo o país já são 79 pontos de solidariedade que tem por objetivo, arrecadar e distribuir cestas básicas, além de quites de higiene pessoal, de limpeza, bem como máscaras, marmitex, café, entre outros itens. As entidades filiadas à CMP já distribuíram mais de 25 mil cestas básicas.

A FLM, sintonizada com essa solidariedade de classe, por meio desta campanha, está recebendo coleta de alimentos e produtos de higiene e limpeza para apoiar famílias em extrema vulnerabilidades. No total já foram distribuídas mais de 3 mil cestas básicas, além de material de higiene e 4 mil marmitex e legumes.

Os 33 comitês espalhados pelas Zonas Leste, Sul, Norte e Centro de São Paulo são um exemplo de que é possível aliar a solidariedade com povo trabalhador e o fortalecimento da organização popular.

1 resposta em “FLM: organização popular e solidariedade em São Paulo”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s